expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

.

.

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

UAC INFORMÁTICA - Soluções para você e sua empresa

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!
Consulte também os planos de consórcio

segunda-feira, 27 de junho de 2016

Mulher pede para gerente chamar táxi após tentar furtar supermercado

Uma mulher de 41 anos de idade foi detida por seguranças se um supermercado no centro da cidade ao sair da loja sem pagar por várias mercadorias e ainda pediu para um dos gerentes chamar um táxi para ela.

O delito se deu no último sábado (25), por volta das 14 horas. Segundo relato de um dos seguranças do supermercado instalado na Avenida Antonio Correia da Silva, a mulher já havia furtado a loja em outras ocasiões e naquela tarde, quando ela entrou no estabelecimento comercial com várias sacolas vazias o funcionário passou a observá-la atentamente. 

A 'cliente' pegou várias mercadorias, colocou nas sacolas e saiu pela porta da frente da loja sem pagar por elas, mas, não sem antes pedir para um dos gerentes para que este providenciasse um táxi para ela. A mulher foi abordada e dentro das sacolas havia: um pacote de cigarros (10 maços) Marlboro Gold Soft, pão de queijo cremoso, bolacha tipo cake, torta de frango, 10 embalagens de Iogurte Vigor Grego e uma embalagem de absorvente Always Active, mercadorias avaliadas em R$ 138,76.

A mulher foi detida, conduzida à Delegacia de Polícia de Piedade, onde a autoridade policial entendeu que a acusada teria possíveis distúrbios mentais e por considerar o crime impossível, já que o delito foi previamente notado e acompanhado pelos funcionários. Ela foi liberada, mas, ainda assim responderá pela tentativa de furto.




Um comentário:

  1. A mulher foi liberada por distúrbios mentais? Tinha algum médico pra atestar isso na delegacia? Ela é doida; mas rasga dinheiro? Essa atitude da autoridade policial vai acabar fomentando essa prática de furto na nossa cidade. LAMENTÁVEL!!!!!

    ResponderExcluir