expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

Santa Rosa

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

Clinica Stima

Clinica Stima

JET MOTORS - LIFAN

JET MOTORS - LIFAN
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR

terça-feira, 16 de agosto de 2016

Homem tem o pé fraturado por armadilha de caça na zona rural de Piedade

Estupidez e covardia - Tipo de armadilha usada
para caçar animais silvestres
Foto obtida na internet
Um trabalhador rural de 44 anos teve um dos pés fraturados por uma armadilha usada por caçadores. No momento em que foi ferida a vítima ouviu um disparo de arma de fogo. 

Por volta das 23 horas do sábado (13), o homem deu entrada na Santa Casa de Misericórdia com um grave ferimento no pé. A Polícia Militar foi acionada para averiguar as causas da lesão, e a vítima  que reside no bairro Sarapuí dos Torres contou ao Cabo Gianon e ao Soldado Campestrini que caminhava pelo sítio de um vizinho quando sentiu uma forte dor no pé e quase que no mesmo instante ouviu o barulho de um disparo de arma de fogo, provavelmente de uma espingarda.

O tiro não atingiu o trabalhador rural, mas, o pé atingido por uma armadilha usada na caça de pequenos animais causou fratura no pé atingido, tornando necessária a transferência da vítima ao Hospital Regional de Sorocaba. Segundo o homem relatou aos policiais, é bastante comum a criminosa e covarde ação de caçadores naquela região às margens da rodovia padre Guilherme Howel (SP-79), entre Piedade e Tapiraí.

4 comentários:

  1. Infelizmente temos que concordar com a criminosa ação dos caçadores a soltas por ai, destruindo a mãe natureza logo os animais em extinção vão ser igual os dinossauros, difícil de acreditar que existiram , para a geração futura , porem falta a policia florestao ser mais enérgicos em suas ações e disponibilizar canais de acessos com mais rapidez para as denuncias, sempre o mal tem que acontecer pra depois corrermos atras do prejuízo.

    ResponderExcluir
  2. A polícia tem que investigar esse caso mais a fundo. Essas armadilhas, se for igual ao da foto, não são vendidas em lojas há décadas. Quem usa é o mesmo que está fabricando. Isso é extremamente perigoso pois pode causar uma lesão muito séria numa criança que por ventura esteja andando por ali.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Se as pessoas que sabem ou conhecem quem faz isso denuncie porque a policia vai atrás com serteza

    ResponderExcluir