expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

Santa Rosa

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

Clinica Stima

Clinica Stima

JET MOTORS - LIFAN

JET MOTORS - LIFAN
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Mulher e adolescente compravam roupas furtadas e revendiam através do Facebook

Uma mulher de 41 anos de idade foi presa e uma adolescente de 16 anos detida pela Polícia Civil, ambas acusadas de comprar e vender roupas furtadas de lojas de Piedade. As mercadorias obtidas ilicitamente eram vendidas numa página local do Facebook destinada à comercialização de objetos que conta com milhares de adeptos no município e em outras cidades. 


Às 15h45min desta quarta-feira (14), dois investigadores cumpriram mandado de busca e apreensão na casa de uma mulher de 41 anos de idade, na Vila Bom Pastor, onde segundo apurado pela Polícia Civil haveria vários objetos furtados. Na moradia da vendedora foram encontradas mais de 30 peças de roupas novas de todo tipo, com etiquetas das lojas furtadas e o preço das mercadorias, todas de  origem delituosa. Tais confecções eram compradas pela vendedora que as repassava para a menor de idade, que por sua vez anunciava na página de negócios populares no Facebook, e assim vendia a dezenas de pessoas que adquiriam os produtos sem saber da origem das roupas.  

O mandado de busca teve origem após a prisão em flagrante de uma mulher no dia 8 de setembro,  que foi pega furtando roupas numa loja da rua Araújo Leite, a qual confessou ter praticado outros inúmeros delitos da mesma natureza e que revendia as confecções a outras duas mulheres. A adolescente que reside no bairro Sarapuí dos Antunes e assim como a vendedora foi conduzida à Delegacia de Polícia de Piedade. A mulher foi indiciada por receptação e corrupção de menores. Parte das roupas foi devolvida ao proprietário da loja furtada na semana anterior e as demais também serão ressarcidas às vítimas que comprovarem sua propriedade. 

A menor de idade foi citada no boletim de ocorrência do ato infracional de furto e liberada à sua mãe após a elaboração do flagrante. A vendedora foi encaminhada para a Cadeia Feminina de Votorantim.

Um comentário:

  1. A casa caiu! Uma mulher de 41 anos corrompendo uma menor de 16 anos levando-a para o crime. Isso me faz lembrar novamente uma frase muito interessante; "a inteligência já nasce com a pessoa; a burrice, ela adquire ao longo da vida."

    ResponderExcluir