expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

RESIDENCIAL MAENO - PRONTO PARA RECEBER VOCÊ E SUA FAMÍLIA!

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!
Consulte também os planos de consórcio

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Estelionatários aplicam golpes em famílias de pacientes internadas em hospitais de Piedade e Sorocaba

Uma mulher que reside num bairro rural de Piedade teve prejuízo de R$ 2.400 ao pagar por um exame inexistente para seu irmão que está internado num hospital particular de Sorocaba. O golpe foi aplicado por telefone por um homem que se passava por médico. Outras situações semelhantes chegaram ao conhecimento de nossa reportagem, inclusive em Piedade, por isso alertamos a população contra este tipo de crime contra famílias que tenham parentes internados em estado grave, pois, que os marginais se aproveitam da fragilidade das pessoas para arrancar dinheiro delas.


A vítima compareceu à Delegacia de Polícia de Piedade de segunda-feira (7) para prestar queixa do estelionato ocorrido na manhã do sábado (5). A mulher relatou que recebeu uma ligação em seu celular de um indivíduo que se identificou como médico. O suposto doutor sabia detalhes dos ferimentos sofridos pelo irmão da vítima num acidente automobilístico e que o paciente precisaria ser submetido a um exame,o qual não tinha cobertura pelo convênio médico., assim, seria preciso efetuar um depósito de R$ 2.400 numa conta bancária. O estelionatário passou os dados para que fosse efetuada a transferência do dinheiro .

Obviamente preocupada com a recuperação de seu irmão e, diante do conhecimento da situação de seu familiar, a mulher acreditou na história do golpista e depositou a quantia exigida na conta bancária indicada. Após isto ela enviou via WhatsApp uma cópia do comprovante bancário ao marginal e seguiu até o hospital para confirmar se o exame seria realizado. Foi então que ela soube que tinha sido vítima de um golpe e o tal médico (nome falso) não foi localizado.

ATENÇÃO ÀS PESSOAS QUE TÊM PARENTES INTERNADOS - Importante alertar às pessoas que este tipo de golpe tem sido aplicado em outros hospitais de Sorocaba e em Piedade, embora não haja queixa registrada, há informação de que recentemente uma família quase foi vitimada por um estelionatário em situação bastante parecida. O golpe só não foi bem sucedido por parte do criminoso, porque um dos membros da família desconfiou da ação do indivíduo.

Caso uma pessoa que tenha um familiar ou amigo internado num hospital da região ou em Piedade vier a receber este tipo de ligação, a primeira atitude é entrar em contato com a administração do estabelecimento hospitalar e questionar tal cobrança. Os marginais se aproveitam da sensibilidade dos familiares em relação ao estado de saúde de seu parente, dizem que um procedimento que não tem cobertura do SUS ou de algum convênio particular tem que  ser realizado com urgência e com isto conseguem ludibriar as pessoas que passam por momentos bastante difíceis e lhes acharcar dinheiro.

A administração da Santa Casa de Misericórdia de Piedade se manifestou sobre a tentativa de golpe ocorrida a cerca de dois meses contra a família de um paciente internado no hospital da cidade. A direção  relata que um parente de um senhor que encontra-se ali internado "veio procurar a Santa Casa, pois, achou estranho terem ligado para ele depositar dinheiro para pagar exames laboratoriais de emergência, visto que seu parente já se encontrava a alguns meses aqui, e nunca houve esse tipo de procedimento. Foi aconselhado pela administração da Instituição  abrir um boletim de ocorrência". 

O blog Bom Dia Piedade obteve informação de que o familiar deste paciente procurou orientação da Polícia Civil, porém, não foi registado boletim de ocorrência do fato.

Sobre as providências da Santa Casa local quanto às orientações dadas a seus funcionários e também aos familiares de pessoas internadas no hospital, nos foi respondido pela administração que: "reforçamos com a enfermagem pois é ela que tem mais contato com os familiares para orientá-los  sobre os procedimentos do hospital e também, sobre esse tipo de golpe usando o nome da Santa CasaA Recepção e a Enfermagem foram orientadas que na hora da internação reforce os procedimentos com os familiares. Que cobrar exames não é procedimento da Santa Casa, e reforçamos com os funcionário nunca passar nenhum tipo de informação sobre pessoas internadas. E os alertamos que estavam usando o nome da Instituição para esse tipo de golpe".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Identidade Visual

Identidade Visual