expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

Clinica Stima

Clinica Stima

JET MOTORS - Confiança no melhor negócio!

JET MOTORS - Confiança no melhor negócio!
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR!

sábado, 19 de novembro de 2016

Polícia Rodoviária flagra ajudante caminhando pela SP-79 com ferramentas furtadas


Lixadeira e serra mármore
recuperadas pela Polícia
Rodoviária
Foto: PMR
Numa ação de persistência e de apurado tirocínio, Policiais Rodoviários prenderam um homem que havia furtado ferramentas elétricas da propriedade onde trabalhou até a poucos dias. O indivíduo justificou seu ato como uma maneira de receber pelos salários devidos pelo ex-patrão.


Na noite desta sexta-feira (18), por volta da 23 horas, os Policiais Rodoviários Cabo Márcio e Soldado Gomes faziam patrulhamento pela rodovia SP-79, ao passarem pelo quilômetro 126 viram um indivíduo caminhando pelo acostamento, suspeitaram e o abordaram. Efetuada revista pessoal e pesquisa da situação do ajudante de 34 anos de idade perante a justiça, não havia nada contra ele, o liberaram e seguiram adiante.

Contudo, a suspeita em relação àquele homem perdurava, com isto após rodarem por um breve tempo os policiais retornaram e flagraram o indivíduo carregando uma lixadeira e uma serra para mármore. O ajudante alegou que na última quarta-feira tinha sido dispensado de uma propriedade rural situada nas proximidades e que seu patrão não havia pago os valores a que teria direito, que teria salário atrasados para receber e por isso, decidiu pegar as ferramentas.

O ex-patrão foi contatado e confirmou que o suspeito tinha trabalhado para ele, que não havia salário atrasado, que teria como comprovar e quanto aos valores referentes à demissão do trabalhador, estava aguardando providenciando o cálculo dos valores rescisórios e demais direitos do ex-funcionário e que faria o pagamento na próxima semana. 

O Delegado de Polícia Dr. Oscar Garcia Júnior entendeu injustificada a atitude do suspeito, determinou que fosse indiciado por furto, arbitrou fiança , a qual não foi paga e o ajudante transferido pela Polícia Civil para uma unidade prisional da região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário