expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Fazenda Santa Regina

Fazenda Santa Regina
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR!
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

Rações NASKASA

Rações NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Ótica Piedade

Ótica Piedade
Curta nossa página no Facebook

Clinica Stima

Clinica Stima

Jet Motors, certeza da melhor compra!

Jet Motors, certeza da melhor compra!
CLIQUE NA IMAGEM PARA CONFERIR!

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Salve sua dieta nas ceias de Natal e Reveillon

É possível - e recomendável - servir uma ceia saudável, 
suculenta, nutritiva e muito saborosa
Foto: http://uninutri.blogspot.com.br/
Estamos às vésperas das festas de fim de ano, e isso significa se esbaldar em mesa farta de calorias. Mas você pode aproveitar as festas, saborear a ceia, e salvar sua dieta, pois é possível ter uma mesa com uma aparência muito agradável, composta de alimentos saudáveis e saborosos.

Apesar de vivermos em um país tropical, com grande diversidade de frutas, legumes e verduras, os brasileiros não consomem esses alimentos como deveriam. As frutas, legumes e verduras são ricos em fibra alimentar, minerais e diferentes tipos de vitaminas, como os carotenóides, precursores da vitamina A.

Estudos científicos comprovam que uma alimentação rica em frutas, legumes e verduras estão associados ao menor risco de desenvolvimento de doenças crônicas (hipertensão, acidente vascular cerebral, câncer) e à manutenção do peso adequado. Esses alimentos também são protetores do organismo contra as doenças pulmonares crônicas e obstrutivas, incluindo a asma e a bronquite.

A trilogia "frutas, legumes e verduras" é utilizada para enfatizar a importância da variedade alimentar e porque esses alimentos devem ser considerados parte importante das refeições e não somente lanches ocasionais.

Seguem aqui, diversas dicas da Nutricionista Vanessa Vichi:

• Diminua a quantidade de alimento a ser ingerido, e na medida do possível combine pratos mais calóricos e elaborados com saladas variadas (utilizar vários vegetais folhosos como, por exemplo: alface americana, rúcula, agrião, repolho, etc), pois promovem a sensação de saciedade.

• Nas preparações dos alimentos substitua os produtos convencionais por lights (por exemplo: maionese, creme de leite, margarina, etc).

• Dê preferência às preparações no vapor, assadas, cozidas ou grelhadas. São mais nutritivas, menos gordurosas e muito mais saudáveis. Evite frituras.

• Comece o seu prato servindo-se dos alimentos mais saudáveis. Desta maneira sobrará menos espaço no prato para as comidas gordurosas.

• Mantenha distância de alimentos que não necessitem de talheres, desta forma, você elimina os salgadinhos, biscoitos, bolos, pães de queijo, pizzas, etc., que são gordurosos e bastante calóricos.

• Lembre-se que o mais importante nesta época é estar com pessoas, é a confraternização. O foco será automaticamente desviado da comida.

• Priorize suas escolhas.

• Antes das festas faça um lanche saudável utilizando frutas, cereais integrais e queijo branco. Esta é uma dica muito importante para não exceder na quantidade ingerida durante os eventos.

• É importante também mastigar bem os alimentos. Quem come muito rápido, além de ter uma digestão mais demorada, deixa de saborear o alimento e acaba comendo uma quantidade maior.

• E quando chegar à hora da sobremesa coma uma porção pequena ou escolha uma fruta. Frutas são excelentes sobremesas e ótimas para refrescar o nosso Natal, que é bem tropical.

• A alimentação é uma preocupação constante na rotina das pessoas. Seja para obter um estilo de vida saudável, seja para perder peso, melhorar a saúde ou, simplesmente, satisfazer uma necessidade fisiológica, comer é sempre bom.

Desejo um ótimo Natal e um excelente Ano Novo com muita Saúde, Felicidade, Amor, Paz e Alimentação Saudável!!!

Vanessa Vichi Girotto Corrêa

Nutricionista Graduada pela Universidade de Sorocaba, com 5 anos de experiência em indústria alimentícia e 6 anos em nutrição hospitalar. Pós Graduada na Universidade Gama Filho: Alimentos Funcionais e Nutrigenômica: Implicações Práticas na Nutrição Clínica e Esportiva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário