expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

Santa Rosa

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

Clinica Stima

Clinica Stima

JET MOTORS - LIFAN

JET MOTORS - LIFAN
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

ALERTA - Piedadense é vítima do golpe do 'parente que sofreu acidente'

Um homem de 40 anos de idade perdeu mais de R$ 1,500 ao ser enganado por um estelionatário que dizia ser um primo dele que teria se envolvido num acidente de trânsito e precisava de ajuda.


Os fatos se deram na tarde da última sexta-feira (13). A vítima que reside num bairro periférico de Piedade recebeu uma ligação em seu telefone residencial, na qual um indivíduo que dizia ser seu primo 'Beto'  que reside em outra cidade, o qual teria a voz idêntica a de seu parente com o mesmo apelido, que teria sido 'fechado' por um outro veículo quando trafegava pela rodovia Bunjiro Nakao, o que acabou resultando numa colisão em que ninguém ficou ferido, mas, que seu caminhão estava avariado. 

O suposto primo contou que estava ligando de um celular emprestado e passou dois números de telefone (códigos de área 11 e 16) e pediu para que a vítima entrasse em contato com representantes da seguradora do veículo acidentado. Com o intuito de ajudar o parente o homem assim o fez, ligou para um dos números indicados e um outro estelionatário disse que seria necessário depositar R$ 1.450 para que pudesse ser acionado o seguro. A vítima tentou, sem sucesso, entrar em contato com seu 'primo e outros familiares. Na dúvida resolver ajudar o parente.

Pouco tempo depois do depósito ter sido efetuado o 'primo' Beto ligou novamente dizendo que o guincho teria chegado ao local e que precisaria pagar pelo serviço de remoção do caminhão, que teria um cheque de R$ 350, valor insuficiente para pagar o guincheiro. /A vítima não deixou claro quanto enviou num segundo depósito. Somente algum tempo depois que o homem conseguiu falar com o verdadeiro 'Beto' e então soube quye tinha sido enganado. O ocorrido foi relatado em boletim de ocorrência nesta segunda-feira junto à Polícia Civil que investiga o delito. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário