expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!
Consulte também os planos de consórcio

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

UAC INFORMÁTICA - Soluções para você e sua empresa

quarta-feira, 15 de março de 2017

Polícia Militar prende dois homens ao apreender revólver, espingarda e dezenas de munições

Armas, munições e material para recarga de cartuchos
apreendidos pela Polícia Militar no bairro dos Leites
Foto: Divulgação - Polícia Militar
Mais de 70 projéteis, material para recarga de munição, um revólver e uma espingarda foram apreendidos e dois indivíduos presos pela Polícia Militar no início da noite desta terça-feira (14), no bairro dos Leites. Um dos acusados pagou fiança e responderá ao processo em liberdade.

A ocorrência teve início às 19h06min da terça-feira. O Cabo Azevedo e o Soldado Éder, com apoio dos Soldados Teixeira e Rafael seguiram ao bairro dos Leites para averiguar denúncias anônimas de que dois indivíduos andavam pela localidade rural portando armas de fogo. 

Inicialmente um segurança de 28 anos foi abordado em frente a um mercado. Ao revistarem o suspeito os policiais encontraram em sua cintura um revólver Rossi calibre 32 com a numeração legível e municiado com seis projéteis intactos. No bolso da calça do segurança havia outras munições calibre 32 não deflagradas. No carro daquele indivíduo , o qual estava estacionado próximo dali, foram localizados sete projéteis calibre 38 e um calibre 32, todos intactos.

Enquanto se dava esta averiguação, um outro suspeito, um pedreiro de 30 anos de idade, chegou no mercado. Ele também foi revistado e nada de ilícito foi encontrado, porém, após um breve diálogo com os policiais, o homem revelou que possuía uma espingarda em sua casa. Os militares seguiram para a residência do pedreiro e lá encontraram uma espingarda Rossi calibre 36 com a numeração raspada escondida atrás de um guarda-roupa, 27 munições calibre 32 e 13 munições calibre 38 todas deflagradas guardadas dentro de uma caixa de papelão. Uma bolsa contendo cinco cartuchos calibre 28, três cartuchos calibre 24 e três cartuchos calibre 32 deflagrados e alguns potes com material para recarga de munições (pólvora, espoletas, chumbinho),  também foram localizados na moradia do suspeito.

Os dois indivíduos receberam voz de prisão e foram encaminhados para a Delegacia de Polícia de Piedade. O Delegado Dr. Milton Andreolli determinou que o segurança fosse indiciado por porte ilegal de arma de fogo, arbitrou fiança de R$ 937, a qual foi paga e o réu responderá ao processo em liberdade. Já o pedreiro ficou preso, pois, a espingarda que mantinha em sua casa estava com a numeração suprimida, com isto, o delito de posse ilegal de arma de fogo por ele cometido tornou-se inafiançável e após a elaboração do flagrante foi transferido pela Polícia Civil para o CDP (Centro de Detenção Provisória) de Sorocaba. Asa armas e munições ficaram apreendidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Identidade Visual

Identidade Visual