expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

COISAS DA FABY

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!

Na JET MOTORS você tem a certeza do melhor negócio!
Consulte também os planos de consórcio

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

UAC INFORMÁTICA - Soluções para você e sua empresa

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Encanador é espancado e morto em sua casa no CDHU Ayrton Senna - Suspeito de autoria do homicídio foi preso pela Polícia Civil e pela GM

Viaturas das Polícia Civil, Militar e Científica em frente à casa da vítima
Foto: Bom Dia Piedade
Um encanador de 42 anos de idade foi espancado até a morte em sua casa no CDHU Ayrton Senna, na madrugada desta sexta-feira, 14 de abril. Um pedreiro de 26 anos de idade foi preso como suspeito da autoria do homicídio. Émerson Carmo de Oliveira será sepultado no Cemitério Jardim Eterno às 22 horas deste sábado, 15 de abril Nossos sinceros sentimento e respeito à família enlutada.

De acordo com informações obtidas juntos à autoridades policiais o homicídio teria ocorrido por volta das 3 horas desta sexta-feira da Paixão de Cristo, horário em que foram ouvidos gritos vindos da casa do encanador Émerson Carmo de Oliveira (foto abaixo), 42 anos, na rua Lauro Sérgio Brand Rosa. Em dois momentos a vítima - ele era solteiro e residia sozinho no imóvel - teria gritado com o suspeito dizendo que este não invadiria sua casa e depois de algum tempo o encanador dizia que era para o pedreiro M.H.G.R. - que completará 27 anos na próxima segunda-feira (17) - sair de sua residência. O espancamento tenha ocorrido em seguida. 


Émerson Carmo de Oliveira
Cenário da tragédia - Pela manhã, às 7h50min, os Cabos Santa Cruz e Leandro da Polícia Militar foram acionados via COPOM para averiguar denúncia anônima de que um homem teria sido morto em sua casa. Os PMs encontraram as portas abertas a vítima foi encontrada na cozinha em decúbito dorsal (com a barriga para cima) e um grande ferimento no lado esquerdo superior da cabeça. Havia muito sangue pela casa, o que indica que o corpo teria sido arrastado. O homem teria sido atingido por pauladas ou por golpe de um machadinho que ele possuía.     
Populares acompanharam o trabalho
da polícia no local
Foto: Bom Dia Piedade
Pouco tempo após a chegada dos militares ao local, a Polícia Civil recebeu uma outra denúncia anônima, na qual uma pessoa dizia que o suspeito da morte de Émerson estaria no CDHU Ayrton Senna. A Policial Civil Elza requisitou o apoio dos Guardas Municipais Mário e Misael e seguiu para aquela localidade da periferia de Piedade, onde após uma breve diligência o pedreiro apontado como autor do homicídio foi encontrado a menos de 200 metros da casa onde o encanador foi executado. 

O suspeito mostrava-se bastante alterado, sob forte efeito de álcool e drogas e negou a autoria do delito, contudo, havia manchas de sangue em sua bermuda e testemunhas o apontaram como sendo o culpado da morte de Émerson. O indivíduo foi preso pelos GMs e pela Policial Civil, conduzido à Delegacia de Polícia de Piedade. A Polícia Militar isolou e preservou a casa da vítima até a chegada da Polícia Científica. O Delegado Dr. Milton Andreolli compareceu ao local, acompanhou o trabalho dos peritos, colheu informações sobre o ocorrido e determinou que o pedreiro fosse indiciado por homicídio e transferido para a cadeia de São Roque onde permanece a disposição da justiça. Um inquérito policial irá apurar as circunstâncias e motivações da morte do encanador.


Bermuda do suspeito apreendida...
Foto: Bom Dia Piedade
A bermuda usada pelo suspeito foi apreendida e será submetida a perícia que apurará se as manchas vermelhas nela existentes seriam do sangue da vítima. O corpo de Émerson Carmo de Oliveira foi encaminhado para o Instituto Médico legal de Sorocaba para realização de exame necroscópico. 
para averiguar se as manchas vermelhas seriam do sangue da vítima
Foto: Bom Dia Piedade


Nenhum comentário:

Postar um comentário