expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!

AQUI EU MORO, AQUI EU COMPRO. SÃO 7 MOTOS!
Prestigiar o comércio local é valorizar a si mesmo

Santa Rosa

Casa de Rações NASKASA

Casa de Rações  NASKASA

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

Nossa Ótica

Nossa Ótica
Qualidade sempre!

Clinica Stima

Clinica Stima

Lifan X60

Lifan X60
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR

sábado, 15 de julho de 2017

Homem perde mais de R$ 1,5 mil no golpe da linha premiada

O famigerado golpe da linha premiada fez mais uma vítima em Piedade. Desta feita um eletricista de 48 anos de idade foi enganado por um estelionatário e ao crer que receberia mais de R$ 20 mil e dois aparelhos celulares efetuou depósitos de mais de R$ 1.500. Os créditos foram feitos em contas bancárias do Paraná.


Na última terça-feira (11), um homem de 48 anos de idade que reside num bairro rural de Piedade recebeu uma mensagem SMS em seu celular O texto dizia que sua linha tinha sido premiada na promoção Baú da Sorte da Universo Vivo. Com isto o incauto trabalhador foi convencido que iria ganhar R$ 10 mil e dois aparelhos Samsung J7.

Para receber os prêmios o "ganhador" teria que responder a mensagem com a frase "Baú da Sorte" e assim o fez. Pouco tempo depois um homem ligou para a vítima dizendo que ele iria ganhar mais R$ 13 mil, além dos dois outros prêmios, mas, que para isso seria necessário efetuar dois depósitos em contas distintas.

Empolgado com sua sorte o trabalhador seguiu as orientações do estelionatário e efetuou as duas transferências bancárias: uma de R$ 321,15 e outra de 1.198,15. No total foram depositados R$ 1.519,30. Passados dois dias e sem que recebesse os tais prêmios, em uma nova ligação o golpista dizia que seria preciso efetuar um terceiro depósito. Em meio a este diálogo telefônico a filha da vítima estranhou a conversa, pegou o celular da mão de seu pai e constatou que tratava-se de um golpe. 

Os fatos foram relatados em boletim de ocorrência registado nesta sexta-feira (14), na Delegacia de Polícia de Piedade. A Polícia Civil constatou que tais ligações partiram um telefone com código de área 011 (região metropolitana de São Paulo) e que os depósitos foram feitos em contas bancárias cadastradas no Banco Santander da cidade de Cascavel, interior do Paraná. O delito segue sob investigação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário