expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

Fazenda Santa Regina

Fazenda Santa Regina
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR!
Contato: piedadenoticias@hotmail.com

Rações NASKASA

Rações NASKASA

SINHÁ MOÇA

SINHÁ MOÇA

SINHÁ MOÇA
MEGA FEIRÃO DE TAPETES E CORTINAS

Ótica Piedade

Ótica Piedade
Curta nossa página no Facebook

Clinica Stima

Clinica Stima

Jet Motors, certeza da melhor compra!

Jet Motors, certeza da melhor compra!
CLIQUE NA IMAGEM PARA CONFERIR!

ALPHA TRANSITO - Recursos de Multas

segunda-feira, 2 de julho de 2018

Projeto de Lei quer limitar a circulação de motos "em corredores"

Os motociclistas que costumam trafegar nos chamados “corredores” devem ficar atentos. O projeto de lei 8.192 de 2017 quer determinar a circulação somente quando o trânsito estiver parado ou muito lento, em velocidade reduzida e nas faixas mais próximas da esquerda. A ideia é multar quem usar o corredor nas faixas à direita.


O projeto já foi aprovado pela Comissão de Viação e transportes e está aguardando designação de relator na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

O projeto original simplesmente proibia o tráfego de motos no corredor, mas o texto substitutivo do relator, o Deputado Federal Hugo Leal (PSD-RJ), criou regras para a prática.
O QUE MUDAAtualmente, não há regras para a circulação de motos no corredor entre os carros. Para o Consultor Técnico do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), Renato Campestrini, a intenção do projeto de lei é dar luz a um assunto nebuloso no Código de Trânsito Brasileiro.
Apesar de não existir a proibição da utilização do ‘corredor’, em algumas rodovias, por exemplo, se autua o trânsito no espaço com o argumento de não manter distância segura do veículo ao lado. A regulamentação esclarece em quais condições o uso do corredor poderá ocorrer”, acredita Campestrini.

VEJA COMO SERÃO AS REGRAS -

- Quando será permitido andar no corredor: quando o trânsito estiver parado ou muito lento;

- Como será permitido: a passagem da moto no corredor deverá ser realizada em velocidade reduzida e compatível com a segurança de pedestres, ciclistas e demais veículos;

- Onde será permitido: havendo mais de duas faixas de circulação, a passagem somente será admitida no espaço entre as duas faixas mais à esquerda. Caso haja faixa exclusiva para veículos de transporte coletivo à esquerda da pista, esta será desconsiderada para fins deste dispositivo.

E você caro leitor, é a favor ou contra essa mudança? Deixe a sua opinião nos comentários.